15.10.08

Pomfret e outras bênçãos

Começo nossa carta de notícias de Outubro agradecendo a todas as manifestações de carinho que recebemos pelo meu aniversário. Mensagens, orações e presentes tocaram fundo no meu coração. Quaisquer palavras de agradecimento serão pouco perto da alegria de ser lembrada e querida. Obrigada, obrigada, obrigada...
No comecinho de Setembro Deus me abriu as portas para cursar o TEFL-Teaching English as Foreign Language, ministrado por Sam Daries, minha professora de inglês. Para ficar ainda melhor, Sam aplicará o teste de nivelamento só no final do próximo ano, o que me garantirá ensinar para níveis mais adiantados do que poderia agora. Dê muitas graças conosco por essa oportunidade, pois o certificado do TEFL me dá o direito de ensinar inglês como segunda língua em qualquer lugar do mundo – excelente estratégia para ministério em países fechados à propagação do Evangelho.
No final de Setembro, Deus nos preparou outra bênção para lá de boa: a oportunidade de realizarmos uma viagem missionária para Pomfret, distante 20 horas de Cape Town. A particularidade dessa antiga base militar com cerca de 4000 habitantes, quase na divisa de África do Sul com Botsuana, é que é composto por famílias de angolanos que ali estabeleceram residência depois de lutarem contra o comunismo em Angola e a favor do apartheid – duas guerras perdidas. São considerados traidores, tanto em Angola quanto na pós-apartheid África do Sul.
A população de Pomfret sofre com o descaso do governo local e nacional: falta água potável, atendimento médico e proteção policial; as escolas oferecem ensino de baixa qualidade, e não há perspectiva alguma de emprego, o que afeta principalmente os jovens. Além disso, há grande pressão para que eles abandonem suas casas e saiam do país, reflexo do sentimento xenofóbico que tem levado nacionais a atacarem estrangeiros com violência em outras regiões. Líderes da comunidade, entre eles pastores evangélicos, esperam garantir na justiça o direito de permanência na terra. Laura e eu auxiliamos no preparo das refeições para os 8 membros da equipe – vejam só, eu aprendi a cozinhar! – e pelo trabalho com as crianças – uma média de 150 pequeninos nas 4 tardes de Escola Bíblica!

Ore por Pomfret. O povo é extremamente carente, porém muito afetuoso, e entre eles temos cristãos fervorosos. Que Deus os fortaleça e os oriente nas questões de moradia e emprego. Que Deus lhes alimente a esperança de um bom futuro para as crianças e jovens. Que o grupo de apoio missionário continue levando não só a Palavra, mas também o conforto material e emocional.
Na volta da viagem a Pomfret, Laura começou o quarto e último período do 8º ano; continuo muito feliz com seu progresso no inglês e nas matérias da escola. Por ter sido prestativa e colaborado com os professores, ganhou o direito de usar o broche de mérito por duas semanas! Fiquei toda orgulhosa, é claro. Na KCPC, junto com outros jovens, Laura está participando das aulas de Confirmação de Fé. Ela já é membro comungante da nossa igreja no Brasil, mas está feliz em aprender um pouco mais de Bíblia e fé cristã. Orem por Laura. Adolescência é uma fase especial, e Laura é uma menina muito querida. Que nossa vivência em missões possa fortalecer sua fé ainda mais, e que seu compromisso com Cristo dirija suas escolhas de relacionamentos e serviço ao próximo.
Termino registrando que tenho encontrado muita dificuldade em manter a comunicação sem internet em casa. Quando nos sentamos em frente ao computador, clicamos um simples botão e imediatamente navegamos pela rede, esquecemos que limitações técnicas – e porque não dizer, financeiras – impedem alguns de ter acesso a esse mundão lá fora. Eu estou vivendo essa experiência de excluída virtual, e não estou gostando nem um pouquinho... Orem para que Deus me dê paciência, organização e criatividade para conseguir manter amigos e igrejas informados sem esse sentimento de frustração que me bate toda vez que não consigo acesso ou mesmo tempo hábil para fazer contato.
GRANDE abraço.
PS: vejam que lindo o meu Branquinho!

1 Coríntios 2:9

"O que ninguém nunca viu nem ouviu, e o que jamais alguém pensou que podia acontecer, foi isso o que Deus preparou para aqueles que o amam..."

What eye did not see, and ear did not hear, and upon the heart of man came not up, what God did prepare for those loving Him...